Receita de Matbukha

PimentõesProvei matbukha (ou matbucha ou matbuha) pela primeira vez em um restaurante libanês em Abu-Gosh, uma vila árabe perto de Jerusalém.

Fiquei impressionado, e depois comprei nos supermercados de Israel matbukha pronta várias vezes. Bem, aqui não há essas coisas para vender, então achei a receita na Internet, que minha mãe traduziu para mim. Fiz e ficou muito bom.

Ingredientes

  • 2 latas de tomates pelados
  • 4 pimentões vermelhos
  • 1 pimentão verde (para variar a cor)
  • 1/2 cabeça de alho amassado
  • 1 colher de sopa de páprica doce
  • Pimenta ardida a gosto
  • 1/2 xícara de café de azeite de oliva virgem
  • Sal e açucar ou adoçante a gosto

Modo de Preparo

  1. Coloque os pimentões diretamente sobre o fogo das bocas do fogão sem nenhuma proteção e vire de vez em quando até toda a pele ficar preta e carbonizada. O fogão vai ficar sujo, mas é essa assagem que vai dar um sabor especial ao prato.
  2. Deixe-os esfriar até uma temperatura que não queime as mãos.
  3. Limpe os pimentões removendo facilmente a pele carbonizada. Muitas pessoas evitam pimentões porque os consideram de dificil digestão. Bem, é esta pele carbonizada, de pura celulose indigesta, a vilã da estória. Depois de remove-la, o pimentão é só delícia.
  4. Abra-os e remova cirurgicamente o miolo com as sementes.
  5. Lave-os cuidadosamente removendo o resto de pele e semente que ficaram grudados.
  6. O resultado parece um bife fino e grande, que deve ser cortado em pedaços quadrados de 1 ou 2cm2.
  7. Triture muito pouco os tomates pelados. Devem sobrar pedaços relativamente grandes.
  8. Junte os tomates, pimentões, alho amassado e pimenta ardida numa panela.
  9. Ferva em fogo baixo por uns 20 minutos, mexendo sempre.
  10. Pitada de açucar ou adoçante (isso é muito importante) e sal.
  11. Misture a páprica ao azeite numa xícara e junte à panela.
  12. Cozinhe devagar, com panela destampada e fogo baixo até a água evaporar e engrossar.
  13. Esfrie e espere algumas horas antes de servir, para o sabor apurar.

Matbukha se come fria, como entrada com pão sírio ou outro pão, e é deliciosa.

3 thoughts on “Receita de Matbukha

  1. Preparei esta receita ontem, e hoje, depois de esfriar bem e do sabor estabilizar, está insuportável de gostoso.

    Muito bom mesmo !

Leave a Reply

Your email address will not be published.