O Sabor da Música do Trio 202

Tinha um amigo mestre cervejeiro profissional que era capaz de provar qualquer cerveja de olhos fechados e cantar a marca, qualidade da água e até a fábrica de origem. Os apreciadores avançados de vinho também encontram ameixas, pneu, madeira e pêssego em suas degustações, que na verdade não estão lá.

Mas o que é realmente verdade neste mundo ?

Trio 202Ontem fui ao show do aclamado Trio 202, formado por Nelson Ayres no piano, Toninho Ferragutti no acordeon e ninguém menos que Ulisses Rocha no violão. No Tom Jazz em São Paulo.

A combinação inusitada de instrumentos ficou em segundo plano perante a magnitude dos músicos. Não me admira ver críticos internacionais babando quando ouvem a música brasileira instrumental. Ela é a melhor do mundo.

Abriram o show com uma canção inédita chamada Seu Sorriso, mas como bom degustador de música, identifiquei imediatamente a fábrica: Ulisses Rocha.

Vamos às metáforas:

As composições de Toninho Ferragutti soam como São Paulo. Expressa, incansável, irreverente, enorme mas cheia de pequenos cantos e lugares interessantes para visitar. Deixou sua marca para o resto do show com Helicóptero, e parecia ser o portador de toda história paulistana em seu acordeon que migrou com os italianos mas fincou raizes fortes no Brasil.

Nelson Ayres tinha uma sonoridade verdejante. Seu Caminho de Casa traz a imagem de uma estrada de terra do interior com árvores por todos os lados que leva ao seio caloroso da família, onde nos esperam para o almoço, uma tarde ensolarada, desocupada, e crianças brincando.

E tinha o Ulisses. Ah Ulisses, cuja música não está em uma geografia. Mora na estratosfera universal e lança suas harmonias para suavizar as arestas do mundo. Ouça Moleque para entender. É extremamente interessante vivenciar um capítulo da história onde algo novo é criado: Charlie Parker e seu Bebop, Bach e sua música sublime de contrapontos, Ulisses e seu violão solar.

Tocaram também Moacir Santos, Tom Jobim, Edu Lobo entre outros. E quando tocam em uníssono é que todo potencial do trio pode ser percebido.

Saimos com gosto de quero mais. Mais shows, mais interpretações, mais composições originais.

10 thoughts on “O Sabor da Música do Trio 202

  1. Avi,

    Primeiro meus agradecimentos por enviar-me todo esse material.
    Gostei demais de seus comentários por diversas razões: pelas novidades e bom gosto que comunicam, pela erudição, entusiasmo e vibração, e pelo muito trabalho que se observa…
    Parabéns. Tomei a liberdade de mandar sua nota para alguns amigos de interesse, o Artur do grupo Uakti, meu amigo e cunhado Nico Rezende que foi e é muito amigo do Ulisses e seus irmãos. Também a alguns tantos poetas que certamente apreciarão…

    Grande abraço,

    Sergio

  2. Oi Avi

    Muito obrigado pelos comentários. É maravilhoso ler coisas assim sobre nosso trabalho. Dá força para continuar .
    Enviarei uma cópia para o Toninho e para o Nelson. Eles vão adorar também.
    Forte abraço

    Ulisses

  3. Avi, parabéns pelo blog. Gostei muito desse seu post sobre o Trio 202. Adorei todas as metáforas utilizadas e a parte onde menciona que assistir ao grupo é vivenciar um capítulo da história onde algo novo é criado. Na realidade passo por aqui para chamar a atenção da nova temporada que essa turma vai fazer no Auditório Ibirapuera:

    Ulisses Rocha, Toninho Ferragutti e amigos no Auditório Ibirapuera

    Dias: 03, 04 e 05 de agosto
    Horário: Sexta, 21h – Sábado, 20h30 – Domingo, 20h30
    Duração: 90 minutos (aproximadamente)
    Ingresso: R$ 30,00 e R$ 15,00 (meia-entrada)
    Gênero: Música Instrumental Brasileira
    Classificação Indicativa: Livre

    Programação:

    Nelson Ayres formando o Trio 202, dias 3 e 5
    Mônica Salmaso, dias 4 e 5
    Kiko Loureiro, dia 3

    Ajude-nos a divulgar a música brasileira de qualidade!
    Grande Abraço

  4. Caramba que anacronismo!…só entendi agora…

    Eu fui no show de agosto, você foi antes.
    E achei na net a mesma fotinho, só tinha essa?

    abraço

  5. Sou professora de música, moro em Andradas e estou ansiosa para assistir ao show do Trio em minha cidade nesta terça -feira… bjo

  6. Nossa muito bom o som do trio 202 , que composições maravilhosas , só uma palavra pra definir isso tudo ( PERFEIÇÃO ) .

    um grande abraço Cássiojc

  7. o trio é uma delicia!nunca vi som tao redondo!consegui furar o cd de tanto ouvir o cd gravado em NY…

  8. Fantástica a apresentação do Trio 202, com Nelson Ayres, Ulisses Rocha e Toninho Ferragutti, aqui em Cascavel/PR no último dia 04 de novembro durante o Cascavel Jazz Festival.
    Maravilhosa apresentação! escutar “Helicóptero”, sob a regência do Toninho e tendo por acompanhantes Ulisses e Nelson, é para mim, uma das novas maravilhas do mundo moderno!
    Já conhecia o trabalho desses “feras”, mas não sabia que pessoalmente era muito, muito melhor.
    Sem contar que além de talento, são pessoas fantásticas, gente finíssima.
    Parabéns a todos vocês.
    E a quem não pôde ainda assistir a este espetáculo, sugiro que corram para assistir, pois não sabem o que estão perdendo.

    Pedro Pereira Fernandes Neto
    Cascavel/PR

Leave a Reply

Your email address will not be published.